Notícias de Arte - Guimarães Galeria

26 de outubro de 2017

Adélio Sarro além dos quadros – conheça algumas das principais obras do artista

Veja as obras de Adélio em Pfalz, na Alemanha, e seus monumentos religiosos em Aparecida, São Paulo.

O artista paulista Adélio Sarro (Andradina, São Paulo, 1950) é um dos mais renomados pintores e escultores brasileiros. Com monumentos expostos em diversas cidades brasileiras, Adélio também faz sucesso internacional. Seu vitrais no Mosteiro de Klingenmunster, na Alemanha, são alguns dos destaques de sua carreira.

Neste post especial, apresentamos algumas das obras mais impactantes de Adélio. Utilize as setas ao lado das imagens para ver a próxima. Clique sobre a imagem para detalhes e ampliação.

 

 

PEQUENA BIOGRAFIA DO ARTISTA

Filho de agricultores de origem italiana e portuguesa, desde cedo demonstrou inclinação e gosto para o desenho. Acompanhou a família, sempre à procura de melhores condições de vida, por diversas cidades de São Paulo e Goiás. Chegando a Duartina, seu pai resolveu abandonar o trato da terra para assumir a profissão de pedreiro, tendo Adélio como ajudante – mas Adélio tinha projetos mais ambiciosos. Nunca tinha deixado de lado seu rabiscos, porém tencionava conseguir muito mais. De início, um programador visual deu-lhe o emprego de letrista; enquanto isso, nas horas vagas frequentava as aulas de uma professora do Grande ABC. Assim, começou a desenhar e a pintar seus quadrinhos. Em 1972, organizou sua primeira exposição no Centro de Convenções de São Bernardo. Apresentava paisagens que, embora achasse trabalhos fracos e sem importância, tiveram reconhecimento do público, gerando as primeiras vendas.

No mesmo ano, Adélio recebe seu primeiro prêmio: menção honrosa na 20ª Exposição Coletiva da ABPA. Em 1981, viaja para Tóquio, Japão, para exposições na Japan International Artists Society of Tokio e no Yamakataia Department Store. Entre 1998 e 2000, realiza diversos monumentos para praças públicas de São Caetano do Sul SP.

 

Adélio Sarro

Deixe aqui seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *